Basta tentar fechar os olhos e imaginar como seria com você. Uma virada radical na sua vida seria ótimo não? Você poderia ficar milionário, famoso da noite para o dia e ter milhões de coisas novas no seu dia a dia.

Andar nas ruas sem ser requisitado ou tomar um café com os amigos a partir de então seria impossível. Todos, de uma hora para outra querem um autógrafo, parcerias de trabalho, fotos ou seja lá o que for. Junto com com a virada radical da sua vida, que parecia ótima numa primeira análise, viria a falta de tempo, a falta de privacidade, cansaço e trabalho excessivos.

É assim que acontece quando pessoas se tornam famosas rapidamente por conta de algum trabalho que fez sucesso ou algo assim. As mudanças acontecem numa velocidade maior do que é possível assimilá-las de forma natural no dia a dia. Estafante, sufocante e deprimente.

Foi assim nos anos 90 quando o ator mirim Macaulay Culkin estrelou como o protagonista Kevin dos filmes “Esqueceram de mim”. Imaginem que ele, com apenas dez anos de idade já era milionário. E foi aí que tudo começou…

Quando adolescente enfrentou os pais nos tribunais em defesa da sua própria fortuna. Acredito que esse contexto todo justifique talvez sua queda pelas drogas, que foi assistida mundialmente, enquanto se afundava no seu vício por heroína.

Somando tantas superações, Macaulay dá a volta por cima mais uma vez, talvez a maior e mais difícil de todas: depois de anos totalmente dominado pelo seu vício, o ator dá a volta por cima e se livra da Heroína. Aos poucos está retomando e reconstruindo sua vida. Fundou a banda “The Underground Pizza” junto com Adam Green e além de estar no universo musical, segundo a Vogue Italia ele está filmando “Changeland”.

Parabéns Macaulay! Além de ser um exemplo de superação você nos traz a ansiedade para vê-lo de novo nas telonas!


COMENTÁRIOS