No Japão, a flor da cerejeira (sakura) é uma metáfora para vida florescendo brilhante, antes do outono inevitável. O florescer da árvore de cereja é a mais pura manifestação de beleza na cultura japonesa, entretanto a flor enfraquece rapidamente e é espalhada pelo vento.

A flor de cerejeira é um símbolo da efemeridade da vida, já que a árvore só permanece florida por um curto período do ano. É uma lembrança de que a vida é passageira, e por isto, temos que viver o presente e apreciar cada momento, pois não sabemos quando nem como faremos “a passagem”.

O desenho da flor de cerejeira tem seu significado no Bushido, o código do samurai, que leva a flor de cereja como seu emblema. O verdadeiro guerreiro Samurai vive se conhecendo diariamente. O lema de um samurai é: “Viva o presente sem medo”.

A flor da cerejeira já foi considerada uma das flores mais belas, tanto pelo seu formato como pela delicadeza e espessura das suas pétalas. Na Índia essa flor é considerada sagrada, e nas casas que tem essa flor nunca falta nada, diz uma lenda da Índia.

Na China, representa o poder e a beleza feminina. O simbolismo da SAKURA que é a delicada flor da cerejeira representa a felicidade, sendo feito até um chá de suas pétalas.
A cereja é também símbolo de castidade, pureza e inocência feminina, pois a fruta se torna madura ainda na árvore.

Após ser colhida deste arbusto, ela se despoja destas características, rompendo assim sua ‘virgindade’.

A fruta cereja é símbolo do desejo, paixão e remete à sensualidade e sexualidade. Significa a beleza feminina, mas também a beleza espiritual. Os chineses consideram-na um símbolo do amor.

FONTEConexão Namastê
COMPARTILHAR
A Grande Arte De Ser Feliz

Para todos aqueles que desejam pintar, esculpir, desenhar, escrever o seu próprio caminho para a felicidade.


COMENTÁRIOS