A Rainha Elizabeth II, ao perceber que já estava próximo o dia da sua morte, modificou, no dia 30 de agosto, o seu testamento. É o que afirmam fontes ligadas à rainha.

A modificação se deu especialmente com relação ao seu acervo pessoal de aproximadamente 300 joias.A rainha, que faleceu no dia dia 8 de setembro, aos 96 anos, teria deixado suas joias para Kate Middleton, princesa de Gales, mulher do príncipe William, avaliada em aproximadamente R$ 570 milhões – algo em torno de US$ 110 milhões.

De acordo com o International Business Times , a rainha Elizabeth II deixou claro como suas joias seriam distribuídas quando ela se fosse. E ele deixou de fora Meghan Markle e seus filhos!

O informante conta que Elizabeth fez algumas mudanças nos termos de sua herança há pouco tempo, logo após comemorar o Jubileu de Platina, que simboliza os 70 anos de reinado da monarca, a rainha mais longeva que o Reino Unido já teve.

Até mesmo Camilla-Parker Bowles, hoje Rainha Consorte, esposa do rei Charles, não ficará com qualquer das suas joias. Além de Camilla, Meghan Markle esposa do princípe Harry e a filha do casal Lilibet Diana também ficarão fora da partilha de bens da realeza britânica.


o restante das joias será distribuído entre outras mulheres da família, o restante das propriedades da rainha passarão para o rei Charles III, sendo ele o filho mais velho e sucessor ao trono.

Deve-se notar que Kate será rainha assim que seu marido se tornar rei, depois de seu pai, Carlos, e talvez seja por isso que ela teve uma consideração especial por ela.

No vídeo abaixo, você poderá conhecer um pouco mais sobre a coleção de joias da rainha.

Você gostou de saber mais sobre as joias da rainha e sua destinação? Então, compartilhe.

Fonte: isto é

RECOMENDAMOS



Para todos aqueles que desejam pintar, esculpir, desenhar, escrever o seu próprio caminho para a felicidade.