Nos últimos meses estamos vivenciando tempos difíceis e dolorosos, o pesadelo parece não ter fim e agravar a cada dia que se passa. A preocupação parece estar prevalecendo na maior parte do dia dos brasileiros.

Os dados e atualizações reafirmam que devemos manter mais do que nunca os cuidados para evitar o contágio da doença Covid-19. Relaxar o isolamento não é uma opção!

Na noite desta quinta feira (4) o Ministério da Saúde atualizou o número de casos e mortes por Covid-19. Segundo com o levantamento das secretarias regionais, foram registrados nas últimas 24 horas 30.925 casos e 1.473 mortes em decorrência da doença.

Os dados apontam, pelo terceiro dia consecutivo, o maior número contabilizado no período.

No total, são 34.021 óbitos acumulados e 614.941 diagnósticos positivos no país desde o início da pandemia. Com os registros mais recentes, o país ultrapassou a Itália em número de óbitos e agora está atrás apenas do Reino Unido (39.987) e dos Estados Unidos (107.474), segundo ranking da Universidade John Hopkins.

A estimativa do governo federal é que o Brasil já tenha realizado 1.085.891 exames RT-PCR (o mais confiável). Há ainda o montante de 800.000 testes rápidos (os que detectam anticorpos, com maior taxa de erro) realizados pelas secretarias de Saúde.

São 4.178 municípios brasileiros com casos detectados de Covid-19, trata-se de um percentual de 75% das cidades de todo o país.

De acordo com o site Olhar digital os números na manhã desta sexta seguem da seguinte forma:

[Atualização] As secretarias estaduais de Saúde atualizaram, na manhã desta sexta-feira (5), os dados sobre a pandemia do novo coronavírus no país. Até o momento, são 34.072 óbitos registrados, 618.554 casos confirmados e 254.963 recuperados.

Com informações: Veja

 

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS



COMENTÁRIOS




A Grande Arte De Ser Feliz
Para todos aqueles que desejam pintar, esculpir, desenhar, escrever o seu próprio caminho para a felicidade.