Todos sabemos que o amor tem lá os seus mistérios. Mas uma coisa é certa: ele não tem padrões, não segue regras e não aceita limites. Assim tem se mostrado o amor da pedagoga Fernanda Passos, esposa de Erasmo Carlos.

Os dois se casaram em 2019 e eram um casal nada convencional. A diferença de idade entre eles é de 49 anos. Esse amor transbordou na data de ontem, após o falecimento do cantor, e a esposa prestou uma belíssima homenagem em suas redes sociais.

O cantor e compositor estava internado no Hospital Barra D’Or, na Barra da Tijuca, na Zona Oeste da cidade, mas não resistiu e morreu aos 81 anos.

Abaixo, confira a homenagem:

Ela iniciou falando sobre o que vivenciaram: “Não posso dizer que todos os momentos foram, são ou serão fáceis. Promessa é uma coisa ilusória, embora vivamos prometendo coisas aos 4 ventos, o que importa mesmo é a presença, a permanência, a insistência … e disso você entende bem. Você é lar, você acolhe, você enxerga, você crê”

Em seguida, passou a discorrer sobre a falta, sobre o vazio da ausência: “Perdi a capacidade de me lembrar de como era a vida sem você, talvez ela nem tenha existido… e talvez tenha sido tão simples esquecer porque a gente se acostuma facilmente com a paz. Não foi de primeira, você brigou muito para mostrar, mas por fim encontrei a paz em você. Gostaria de ser maior, melhor e mais forte, te proteger de tudo, brigar por você e dominar todas as áreas do que um dia você venha a precisar. Talvez aí se iniciem os problemas de muita gente, quando encontramos quem para nós é tudo, começamos a querer retribuir, também queremos ser tudo”, continuou a pedagoga.

“E ah, meu bem … é impossível ser tudo, tentar ser tudo é um mar de frustrações e angústias com ondas de culpa … desse mal eu tento me curar, quero olhar com compaixão para mim e entender que já sou o bastante por você me amar”, finalizou.

RECOMENDAMOS



Para todos aqueles que desejam pintar, esculpir, desenhar, escrever o seu próprio caminho para a felicidade.