Independentemente de suas crenças religiosas ou falta de crenças religiosas, há toneladas de coisas que podem ser aprendidas com o budismo como um todo. Todo o conceito em si é cheio de lições que nós, como seres humanos, precisamos aprender.

Uma das coisas que sinto que me ajudou mais na vida é um princípio budista que consiste basicamente em ‘menos é mais’. Isso de várias maneiras pode ser aplicado à nossa vida em todos os aspectos. Agora, com relação ao sucesso e à verdadeira felicidade, “menos é mais” deve ser algo que temos em mente.

O conceito de ‘menos é mais’ pode criar mais valor nas pequenas coisas e nos ajudar a progredir em relação às grandes coisas. Por exemplo, quanto menos ficarmos obcecados com as coisas que estão nos derrubando, mais felizes seremos em geral. Quanto menos você se concentrar em coisas que não importam, mais verá a respeito de sua própria vida a qualquer momento. 

Em relação a essa filosofia, o pequeno Buda escreveu o seguinte:

Você pode não ter um grande número de horas para se comprometer, mas isso significa que você tem um incentivo para priorizar suas metas, e isso só pode ajudá-lo a se concentrar e se tornar efetivamente ideal.

Você pode não ter recursos abundantes, mas isso significa que sua paixão e propósito talvez sejam seus maiores ativos, e não há limite para o que você pode realizar quando se investe em uma visão que a move e inspira. 

Você pode não ter inúmeros leitores ou clientes, mas isso significa que você pode se concentrar em fornecer um serviço excepcional, que pode ser muito mais valioso do que dezenas de conexões superficiais e experiências padrão.

Mais importante, quando nos concentramos em fazer menos e fazê-lo bem, em vez de fazer mais e assumir que é melhor, somos menos dispersos, mais deliberados, menos atormentados e mais presentes.

Veja bem, quanto menos você tem ou mais baixo está nas coisas, mais você tem a ganhar. Quanto mais você crescer como pessoa, mais benefícios obterá com o passar do tempo, se estiver disposto a fazer a quantidade de esforço que você, como ser humano, é capaz. 

Quanto menos cedemos ao medo, mais podemos trabalhar para nos motivar a fazer o que precisa ser feito. Quanto menos assumimos, mais podemos trabalhar para entender. Há tantas coisas que podem ser alcançadas através de ‘menos é mais’.

Quanto mais estivermos dispostos a aceitar a vida como ela é e a trabalhar para melhorar a nós mesmos, menos teremos que enfrentar os tempos difíceis que surgem em nossas próprias experiências aqui neste planeta.

Todos nós podemos realizar as coisas para as quais nos propusemos, se somos capazes de realmente fazer com que as coisas que já temos funcionem para nós e não contra nós. Não precisamos lutar tanto para conseguir mais quando estamos apreciando o que já temos e aproveitando ao máximo de uma maneira que nos permita crescer como pessoas nesta Terra. Nada nesta vida está gravado em pedra, todos somos capazes de nos tornar quem queremos ser se estivermos dispostos a fazer as coisas que precisam ser feitas com antecedência.

Como você acha que o princípio de ‘menos é mais’ se aplica à sua vida e como isso pode ajudá-lo a se tornar uma versão melhor de si mesmo? Eu pelo menos tento sempre manter isso em mente. Sempre posso realizar mais quando coloco os recursos que tenho para trabalhar da maneira certa.

Traduzido do site: Awaraness Act

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS



COMENTÁRIOS




A Grande Arte De Ser Feliz
Para todos aqueles que desejam pintar, esculpir, desenhar, escrever o seu próprio caminho para a felicidade.