Se por um lado o isolamento social é necessário para conter o contágio do novo coronavírus, por outro ele nos impede de estar em contato com as pessoas que amamos. No entanto, as pessoas estão criando maneiras cada vez mais inovadoras de estabelecer conexões.

Nos Estados Unidos, a família de Theresa Goehring, de 95 anos, encontrou uma maneira inovadora de continuar dando atenção à ela. A vovó, que recentemente foi transferida para uma clínica de saúde para que possa ter cuidados 24 horas ao dia, agora pode conversar com seus filhos e netos através de uma caixa de acrílico.

Com 9 filhos e dezenas de netos, sua família estava preocupada com o fato de não conseguirem ver a matriarca em segurança em meio a pandemia, então eles finalmente encontraram uma solução. Alguns dos filhos são proprietários de uma empresa de reforma em Cincinnati, Ohio, chamada Meyer Brothers and Sons. Com a experiência na indústria, eles construíram facilmente uma caixa de acrílico, recentemente instalada na Barrington of West Chester, casa de repouso que a senhorinha vive.

Agora, com a caixa de acrílico, a família não somente pode estar em segurança perto de sua avó, como outros membros do asilo também podem fazer uso, já que eles liberaram para que outros residentes também possam utilizá-la.

Segundo Theresa: Isso me trouxe muita alegria e espero que traga alegria para outras pessoas também. Talvez isso inspire algumas outras instalações de enfermagem a usar isso como uma maneira de os entes queridos poderem estar próximos”.

A caixa de acrílico já está sendo usada em outros lugares, como solução para evitar o contágio, mesmo com o fim da pandemia. Em Amsterdã, um restaurante instalou diversas cabanas de vidro com capacidade para 3 pessoas. A ideia é evitar a aglomeração de pessoas, e desta maneira, conter de uma vez por todas o vírus.

Traduzido do site: Quokkamag

COMPARTILHAR

COMENTÁRIOS




A Grande Arte De Ser Feliz
Para todos aqueles que desejam pintar, esculpir, desenhar, escrever o seu próprio caminho para a felicidade.