Sader Issa, que estudou odontologia na Síria, atribui seu sucesso hoje ao fato de ter sido criado por seu pai, Jad, que tem Síndrome de Down.

“Nossos entes queridos com Down são nossa fonte de inspiração e força. Eles nos elevam ao céu mais alto com seu amor e compaixão ”, disse Issa sobre seu amoroso pai.

“Pessoalmente, acho que teria ficado muito menos animado com a vida e muito menos apaixonado pelo que faço se não tivesse meu pai especial. Infelizmente, não tenho postado nada ultimamente devido à agenda lotada da faculdade. Eu irei procurá-los em breve como o primeiro médico conhecido, filho de pai com SD. ”

Leia também: Grafite em SP que faz releitura de “O Lavrador de Café” é elogiado por filho de Portinari: ‘Extraordinário’

Jad trabalhou em uma fábrica de trigo por 25 anos e, por causa de seu trabalho árduo e abnegação, tornou-se um importante pilar da comunidade. Ele é conhecido por sua bondade e por expressar amor e admiração por todos, sem esperar nada em troca.

Segundo Issa, seu pai o encheu de amor e fez o melhor que pôde para tornar sua infância igual à de qualquer criança.

“Muitas pessoas que leem sobre a nossa história acham que é falso, o que me deixa ainda mais orgulhoso do que conquistamos, porque nem chega a ser verossímil para muitas pessoas. Ainda temos muito a fazer, ainda sonhamos com conquistas maiores. Estamos honrados pelo amor e apoio que recebemos da comunidade da Síndrome de Down em todo o mundo e lutaremos lado a lado para mudar todas as ideias desatualizadas sobre nossos entes queridos com o DS. ”

Sader disse que tem orgulho de ter um pai assim, amado por tantos.

“Para [meu pai] só o céu é o limite, apesar de ser visto como alguém que não merece realizar nada de importante. Aqui está ele, hoje, inspirando centenas de milhares em todo o mundo por ser apenas o homem que é. ”

Leia também: Cachorro cego se “recusa” a sair do abrigo: não sabe mais viver sem seu gato-guia

E para comemorar o mês da conscientização sobre a síndrome de Down, Issa deseja que todos tenham algo importante em mente.

“Sejamos todos livres dos rótulos que colocamos uns nos outros com base em nossas ideologias, cor da pele ou condições mentais e físicas. Vamos todos ser HUMANOS. ”

Fonte: Bored Panda

Compartilhe o post com seus amigos! 😉

RECOMENDAMOS