No início desta semana, a cantora Gabi Luthai estava transitando por uma rua de Campo Grande (MS) quando um homem em situação de rua chamou sua atenção.

Ele carregava uma placa que dizia “Tenho Fome” presa ao peito. Comovida com a cena, Gabi resolveu estender a mão e oferecer uma quantia em dinheiro.

Foi nesse momento que ele a reconheceu, dizendo que a música da cantora o ajudou em momentos difíceis.

Leia também: Menino com síndrome de Down excluído da formatura do colégio ganha sua própria festa

Gabi resolveu então compartilhar a história em suas redes sociais. Ela só não esperava que a mãe do rapaz, que estava desparecido, iria reconhecer o filho no vídeo da cantora.

De acordo com Joacir Maria, técnica de enfermagem, seu filho Rodolfo Bráz Muniz de Oliveira, que tem 31 anos, saiu de Cuiabá (MT) em maio deste ano para participar de um treinamento do trabalho, que aconteceria na capital do sul-matogrossense.

Entretanto, em junho ele deixou de dar notícias.

Imediatamente após assistir o vídeo, Joacir entrou em contato com Gabi Luthai. Através da artista, descobriu a região em que o filho desaparecido estava e, agora, pôde ir ao seu encontro.

“São coisas que a gente não imagina. Eu estou realmente muito emocionada, porque a música chega em alguns lugares que talvez a gente não chegaria. Isso é muito gratificante”, disse Gabi sobre a história inesperada.

Leia também: Gari para tudo que estava fazendo para dar água para cavalo que passava mal em rua de Belém (PA)

A mãe de Rodolfo disse que ele é dependente químico em tratamento. “Acredito que ele teve uma recaída. O dependente químico, se não tiver ajuda, tem recaídas. Então começou meu desespero, sem saber onde ele se encontrava.”

Foi quando Joacir viu o vídeo da cantora Gabi, que, sem saber, contribuía com as primeiras pistas do paradeiro de Rodolfo.

Após ver as imagens, Joacir disse que ela e a filha entraram em contato com a cantora. Através da artista, descobriram a região em que Rodolfo foi visto.

“Acredito que ele esteja com vergonha de voltar para a casa, porque teve essa recaída. Foi para treinar para ser gerente e está em situação de rua. Acho que está lá tentando dar a volta por cima. Mas ele está longe da família, é mais difícil lutar sozinho”, disse Joacir.

“Eu não sabia por onde começar e esse vídeo me abriu as possibilidades. A Gabi tem nos ajudado muito. Ela tem uma simplicidade, uma empatia, e sente no coração a dor de outras pessoas. Sem saber, estava ajudando uma mãe a encontrar seu filho.”

Fonte: G1

Compartilhe o post com seus amigos! 😉

RECOMENDAMOS