O falecimento de Pelé, na data de hoje, consternou o mundo. Após desfrutar de uma vida repleto de títulos, fama e reconhecimento, tanto no Santos quanto na Seleção Brasileira, o craque, já cansado e há muito doente, eternizou-se.

Pai de 7 filhos, o ex-jogador de futebol deixa uma fortuna surpreendente para sua família, uma vez que figurava entre os atletas aposentados mais bem sucedidos no mundo.

Não temos o valor exato da fortuna de Pelé, nos dias de hoje. Contudo, temos por parâmetro o ano de 2014, quando foi listado pela Forbs entre os 10 atletas melhor sucedidos financeiramente, após aposentados, em todo o mundo. Naquele tempo, sua fortuna estava estimada em 15 milhões de dólares, o que seria cerca de 35 milhões de reais, na época. Estima-se que essa fortuna, desde então, tenha crescido exponencialmente.

Pelé deixa a esposa Márcia Aoki, com quem se casou em 2016, e 6 filhos que devem herdar sua fortuna. Entre os herdeiros do ex-jogador estão os filhos Kely Cristina, Jennifer e o ex-jogador Edinho, filhos de Rosemeri dos Reis. No seu segundo casamento, com Assíria Nascimento, Pelé teve os gêmeos Joshua e Celeste.

Pelé se aposentou do Santos em 1974. Mas, em 1975 assinou um contrato com o clube Nova Iorquino Cosmos por US$ 7 milhões (R$ 200 milhões em valores atuais) por três anos. Na época, Pelé foi o atleta mais bem pago do mundo.

Fora do casamento com Rosemeri, Pelé teve as filhas Flávia Kurtz, que teve seu reconhecimento, e Sandra Regina Machado, cujo reconhecimento se deu por ordem judicial, com forte oposição do jogador, mesmo com teste de DNA. Sandra morreu em 2006, vítima de um câncer de mama. Seus filhos, contudo, recebem por herança a quota que seria da falecida mãe.

Fonte MSN

RECOMENDAMOS



Para todos aqueles que desejam pintar, esculpir, desenhar, escrever o seu próprio caminho para a felicidade.