Generosidade e felicidade melhoram o bem-estar individual e podem facilitar o sucesso social, e uma pode estar diretamente ligada com a outra. Pelo menos é o que afirmam os pesquisadores da Universidade de Zurique, na Suíça, em estudo publicado no periódico Nature Communications.

O estudo foi realizado com 50 pessoas. Divididos em dois grupos, os voluntários foram informados que receberiam, durante o próximo mês, 25 francos suiços por semana (cerca de 80 reais). Um grupo foi informado que a quantia só poderia ser gasta com outras pessoas, comprando presentes ou as levando para atividades de lazer. Já o outro grupo poderia gastar o dinheiro consigo, como quisesse.

Depois de planejarem os gastos, os cientistas submeteram os participantes a um questionário enquanto seus cérebros eram monitorados. Para o experimento, nenhum dinheiro foi realmente recebido ou gasto pelos voluntários.

As varreduras realizadas pelos pesquisadores revelaram que os neurônios na área do cérebro associada à generosidade ativaram os neurônios que estão associados à felicidade. Este processo foi consideravelmente mais ativo no grupo que teve a generosidade estimulada.

Segundo concluíram os pesquisadores manter em mente que queremos fazer algo pelo próximo acaba resultando em uma ótima sensação de bem-estar. Esse efeito de felicidade, apontam ainda, era o mesmo independentemente de quanto os participantes estavam planejando gastar com terceiros.

FONTEPortal Estéticas
COMPARTILHAR

A Grande Arte De Ser Feliz
Para todos aqueles que desejam pintar, esculpir, desenhar, escrever o seu próprio caminho para a felicidade.

COMENTÁRIOS