Por Leandro Zanon

Uma nova e inesperada versão do pai da psicanálise, Sigmund Freud, está para chegar em uma série da Netflix. Na apropriadamente intitulada “Freud”, o personagem histórico aparece jovem e aplicando suas habilidades numa tensa investigação criminal na tentativa de deter um serial killer na Viena de 1886.

Para tal missão, além de contar com suas técnicas da psicanálise, Freud terá o apoio do policial Alfred Kiss e da famosa vidente Fleur Salomé. O objetivo é contar uma história de época, mas usando um estilo contemporâneo para abordar a vida do doutor.
Os oito episódios da atração serão dirigidos por Marvin Kren (Geleira Sangrenta, Tatort, 4 Blocks), que também assina o roteiro ao lado de Stefan Brunner e Benjamin Hessler. Já a produção executiva é responsabilidade de Heinrich Ambrosch e Moritz Polter (Das Boot, Crossing Lines). Por enquanto, nenhum nome foi confirmado no elenco do drama, sem previsão de lançamento.

Nascido em 1856 e morto em 1939, Freud nunca aplicou, na vida real, seus conhecimentos em uma investigação policial. Nos cinemas e na TV, já foi interpretado por atores como Viggo Mortensen (“Um Método Perigoso”) e Montgomery Clift (“Freud – Além da Alma”).

FONTEPensamento Líquido
COMPARTILHAR

COMENTÁRIOS




A Grande Arte De Ser Feliz
Para todos aqueles que desejam pintar, esculpir, desenhar, escrever o seu próprio caminho para a felicidade.