Selena Gomez está entre as celebridades que resolveram quebrar o tabu e falar abertamente sobre seus problemas psicológicos. Ela também é produtora da série “13 Reasons Why”, que colocou o suicídio em pauta ao redor do mundo no ano passado. Além disso, a cantora é muito aberta sobre seus outros problemas de saúde, que são bem complicados. Meses atrás, ela revelou que havia feito um transplante de rim, por causa do lúpus.

Capa da revista Harper’s Bazaar desse mês, Selena foi entrevistada por Katherine Langford, que é protagonista de “13 Reasons Why”. Além de falar sobre a carreira e o novo álbum, ela voltou a abrir o coração sobre depressão e ansiedade, em um depoimento emocionante.

A cantora acredita que jamais conseguirá deixar esses problemas realmente para trás e diz que lutar contra eles é um exercício diário. Mesmo assim, mostra-se confiante: “Eu estou bem com isso, pois sei que estou me colocando em primeiro lugar”.

Confira aqui esse trecho da entrevista:

Katherine: Você acha que 2018 será um ano melhor do esse que passou?

Selena: Eu vou responder que sim, porque eu acredito nisso para mim mesma. E qualquer pessoa que me conhece sabe que eu vou sempre priorizar minha saúde e meu bem estar. Eu tive muitos problemas com depressão e ansiedade, já falei bastante sobre o assunto, mas isso é algo que eu sinto que jamais vou superar. Nunca haverá um dia que eu vou falar tipo “aqui estou eu usando um vestido lindo – eu venci!”. Eu acho que é uma batalha que eu terei que enfrentar pelo resto da vida, e eu estou de boas com isso, porque eu sei que estou me colocando em primeiro lugar. Estou iniciando o ano com esse pensamento. Quero ter certeza de que estou saudável. Se isso estiver bem, todo o resto vai se ajeitar. Eu não fico colocando metas, pois não quero me decepcionar se eu não alcançá-las, mas eu quero trabalhar nas minhas músicas também. Meu próximo álbum está levando uma eternidade para ficar pronto. Quando as pessoas me perguntam o motivo, eu sou sincera: é porque eu não estou pronta. O que eu quero dizer, falando sinceramente, é que eu não estou confiante a respeito do jeito como minhas músicas estão nesse momento. Se esse processo levar 1o anos, então levará 10 anos. Eu não me importo. Nesse momento eu só quero dar o meu melhor em tudo o que eu estiver fazendo.

FONTEmdemulher
COMPARTILHAR

COMENTÁRIOS




A Grande Arte De Ser Feliz
Para todos aqueles que desejam pintar, esculpir, desenhar, escrever o seu próprio caminho para a felicidade.