Classificado em 7,9/10 na IMDb, esta série de documentários conseguiu atrair a atenção com sua estranha história. Na verdade um tanto bizarra.

A direção de Eric Goode e Rebecca Chaiklin fez a sua parte e conseguiu transcender. Uma série que foi vista mais do que a segunda temporada de Stranger Things, e que está dando o que falar.

Quando começamos a pensar que já vimos todas as suas séries da Netflix, a plataforma vem e nos surpreende com algo totalmente diferente e que realmente prende a atenção. E não podemos negar que este foi um excelente momento para a estréia de algumas séries, já que estamos todos em quarentena.

O documentário nos apresenta um mundo totalmente diferente do que estamos acostumados, e gira em torno de uma grande figura, zelador de animais selvagens conhecido como “Joe Exotic”.

A história ganhou uma popularidade absurda em apenas 10 dias de estréia, atingindo mais de 34 milhões de visitas. Ela nos mergulha em um estilo de vida surpreendente, rodeado de escândalos, bizarrices e uma relação com a vida criminosa.

À medida que os capítulos passam, vemos que nem todos se concentram nesse criador de animais “exótico”, mas também em seu ambiente.

Sabemos que cada um dos cuidadores mostrados na série possuem um amor inimaginável por seus leões e tigres, o que causa uma luta muito dura de interesses. Descobrimos também que os EUA possui um grande número de tigres em cativeiro.

Mas nem tudo no documentário é sobre animais silvestres. Se tem algo que desperta interesse a cada episódio, é a vida pessoal dos cuidadores.

Por exemplo o Joe Exotic com seus dois maridos, e como ele está envolvido em uma grande desordem. Além de dono de um zoológico de estradas, é um polígamo e cantor de country. Tudo o que você não pode imaginar é comum em uma única pessoa, um concentrado de personalidade que vale a pena observar.

E se algo ficou claro para nós desde o início, é que todo mundo odeia uma mulher chamada Carole Baskin, a encarregada de tentar libertar todos os tigres, com seus voluntários, luta por sua liberdade em seu “santuário”, mas é acusada de fazer shows semelhantes.

Pra quem ainda não viu, te garanto que é uma ótima pedida!

Traduzido do site: UPSOCL

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS



COMENTÁRIOS




A Grande Arte De Ser Feliz
Para todos aqueles que desejam pintar, esculpir, desenhar, escrever o seu próprio caminho para a felicidade.