“Queridas famílias.⁣

O confinamento social recém começou. Vocês estão sendo ótimos!⁣

Por favor, tentem se lembrar que não existem “regras” de parentalidade em épocas de pandemias.⁣

Não fiquem absurdamente estressados sobre o tempo que as crianças passam nas telas (claro, cuide do conteúdo), não se sintam culpados se eles comerem guloseimas demais (quem aí não esta ansioso?), não fiquem absurdamente preocupados com as crianças desinteressadas nas tarefas online enviadas pela escola.⁣ É algo novo para eles tb e eles ainda estão achando que estão de férias.

Essa situação é uma emergência mundial: não batam meta de produtividade em atividades manuais e entretenimento pras crianças. ⁣Tb não queiram bater metas de trabalho nesses tempos difíceis. Tudo terá que ser revisto.

⁣Primeiro, porque sempre sobra pras mães, segundo, porque é um tempo limitado de uma situação nunca vista, terceiro, não dá pra sair de casa pra comprar palito de madeira, cola colorida ou papel crepom, nem para jantar com as amigas. Então: Re-la-xa.⁣

Você não vai prejudicar o desenvolvimento do teu filho por umas semanas (ou meses) que serão absolutamente fora do normal. A quarentena recém começou e tá todo mundo angustiado pensando em atividades pro isolamento.⁣

Tenta “fazer nada” juntos. Deita na sala comendo bolacha. Joga videogame. Talvez os irmãos Neto sejam teus amigos nessa empreitada. Quem sabe? ⁣

⁣Mas, amiga mãe, cuida da tua saúde mental. Não te bota como meta ser a mãe perfeita da quarentena, ou seu filho vai ficar “quebrado” pra todo sempre. Crianças são resilientes e vão aprender muito vivendo essa pandemia na juventude. ⁣

Relaxa um pouco. Essa é uma situação atípica. E estamos fazendo o nosso melhor”

Cris Machado, do IG: @plantão_materno

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS



COMENTÁRIOS




A Grande Arte De Ser Feliz
Para todos aqueles que desejam pintar, esculpir, desenhar, escrever o seu próprio caminho para a felicidade.