O vínculo entre a mãe e os filhos é, sem dúvida, algo muito especial, independentemente de serem filhos biológicos ou por opção, já que o mais importante é o amor incondicional que possuem, demonstrado por uma adorável cadela pit bull chamada ‘Everly’.

A cachorra adotou um esquilo bebê órfão, depois que ela a escolheu como sua mãe.

Leia também: 7 filhotes de cachorro órfãos são adotados (e amamentados) por vaca de fazenda na Índia [VIDEO]

Tudo começou quando Morgan Joy Groves, a mãe humana de Everly, e o cachorro estavam passeando no parque, quando de repente se depararam com um filhote de esquilo que estava totalmente sozinho e um pouco assustado. No entanto, sua atitude mudou quando ela viu Everly e após alguns segundos ela começou a se aproximar dela, mostrando que se sentia segura.

Posteriormente, o esquilo começou a seguir Morgan e Everly por todo o caminho pelo parque e continuou com eles até chegarem em casa. Naquele momento, Morgan presenciou algo que a emocionou ao ver que seu cachorro se deitava para descansar e depois de alguns minutos o esquilo queria ganhar confiança e se aninhou em cima de Everly para desfrutar de uma bela soneca juntos.

Após esse doce momento, Everly passou a cuidar do filhote de esquilo, fazendo jus ao título de ‘babá de cachorro’ pelo qual os pit bulls eram conhecidos no século 19, pois embora muitas pessoas acreditem que essa raça seja agressiva, na verdade eles são caracterizado por ser muito amoroso, leal e obediente.

Com o tempo, a mãe e a filha de Everly e o relacionamento do pequeno esquilo começaram a florescer e juntos eles desfrutaram de muitos cochilos e aventuras. No entanto, Morgan percebeu que, embora seu cachorro fosse realmente uma mãe amorosa e exemplar, o esquilo precisava de cuidados extras, então, depois de um tempo, ela entrou em contato com um centro de vida selvagem para que o esquilo pudesse receber melhores cuidados.

Finalmente, Morgan levou o filhote de esquilo para um santuário de esquilos e lá eles estão lhe ensinando tudo o que ele precisa para que, uma vez que ele seja solto de volta na natureza, ele possa sobreviver em sua vida diária. Embora Morgan soubesse que seu cachorro estava triste com a separação, ela também sabe que foi uma decisão sábia e não vai esquecer o tempo que passaram juntos como mãe e filha adotivas.

Leia também: Gorila abraça amorosamente o homem que a resgatou das garras de caçadores ilegais

Fonte: Amo Meu Pet

Compartilhe o post com seus amigos! 😉

RECOMENDAMOS