Na semana passada, a associação ‘Homeowners Association (HOA)’, no Texas (EUA), implementou uma polêmica política que proíbe o hasteamento de bandeiras nos jardins e varandas por parte dos moradores de um bairro.

Um casal gay que mora por lá desconhecia essas “novas regras” e resolveu hastear sua orgulhosa bandeira do arco-íris, símbolo da comunidade LGBT+.

Leia também: Menino de 9 anos raspa o cabelo em apoio ao amigo internado com câncer

Não demorou muito para a associação proibir a exibição da bandeira no jardim, mas a resposta do casal foi simplesmente épica: iluminar toda a propriedade com luzes de LED coloridas.

E como a proibição boba se aplicava apenas a bandeiras, os vizinhos não podiam fazer nada para impedir os orgulhosos proprietários.

“Como alguns vizinhos exibem bandeiras BLM (Black Lives Matter), bandeiras com linhas azuis finas e outras bandeiras de opinião, nosso HOA decidiu no mês passado que só podemos hastear a bandeira dos EUA e nada mais. No dia seguinte à decisão, recebemos um e-mail informando que alguém relatou nossa bandeira do Orgulho (que tínhamos em nossa casa desde 2016) e que foi necessário removê-la. Cumprimos e retiramos a bandeira”, explicou o casal em um post no Reddit.

Leia também: Jovens criam piso solar feito com garrafas recicladas que geram energia durante o ano todo

Irritados com a situação, mas também orgulhosos do que fizeram, o casal foi até a rede social Reddit, para mostrar sua divertida história.

“Revendo nossas novas regras, percebemos que luzes removíveis são permitidas sem restrições, então… compramos 6 refletores coloridos e lavamos nossa casa com as cores do orgulho LGBT+. Um pouco menos sutil do que nossa simples bandeira. Muito mais divertido para quem reclama da própria bandeira e do que ela representa”, concluíram.

Obviamente, a situação se tornou viral e o bairro ficou conhecido por sua estranha proibição. O autor da postagem recebeu centenas de comentários em apoio à sua decisão.

“As associações de proprietários de casas são incríveis para mim, especialmente em um país como os Estados Unidos, onde todos supostamente valorizam sua liberdade. Você está pagando muito dinheiro para ter uma casa que está rigidamente ligada ao que as outras pessoas desejam. Não entendo. Eu nunca vou entender isso”, mencionou um dos comentários mais proeminentes. Ponto para a tolerância e a diversidade!

Fonte: RPA

Compartilhe o post com seus amigos! 😉

RECOMENDAMOS