Na maioria das vezes, o jogador do Paris Saint Germain (PSG), Kylian Mbappé, é notícia na mídia internacional pelo grande número de gols e pelo bom desempenho em campo com sua equipe.

Mas nos últimos dias, o atleta está sob os olhos do público não por sua profissão, mas por sua vida amorosa após ser flagrado com a modelo trans Inés Rau.

Leia também: Padre “gamer” concilia afazeres da Igreja com jogos e podcasts em Minas Gerais

Jogadores de futebol internacionais como Lio Messi ou Cristiano Ronaldo são considerados celebridades do show business e não apenas dos campos de futebol. Esse também é o caso do atleta Kylian Mbappé, principalmente depois dele ser flagrado em um clima de romance e carinho com Inés.

O futebolista e a modelo foram vistos pela primeira vez no Festival de Cinema de Cannes, onde instantaneamente provocaram rumores de um possível relacionamento.

Em seguida, os paparazzi pegaram os dois em um iate, enquanto aproveitavam a tarde trocando olhares românticos.

Mas, esta não é a primeira vez que Inés Rau é notícia. Aliás, a modelo foi aplaudida mundialmente, depois que a Playboy a escolheu em 2019 como sua primeira coelhinha transgênero da história.

Inés, hoje aos 32 anos, descobriu desde cedo que se identificava como mulher e não como homem, seu gênero de nascimento. Aos 16 anos, ela passou por uma cirurgia de redesignação sexual.

Desde então, sua carreira na indústria do entretenimento só tem crescido. Aos 18 anos, trabalhou como modelo em Ibiza, na Espanha, trabalhando com o importante DJ David Guetta. Mais tarde, estrelou uma capa na Vogue Italia, depois se posicionando como uma das coelhinhas da Playboy mais históricas.

Apesar da modelo e Mbappé terem sido vistos em mais de uma ocasião em atitudes amorosas, nenhum dos dois saiu para negar ou confirmar o possível romance entre os dois, mantendo-se “sob panos quentes” perante a imprensa.

Leia também: Estudante tem reação alérgica bizarra ao reverter preenchimento labial; veja fotos

Compartilhe o post com seus amigos! 😉

RECOMENDAMOS