No início deste mês, as ruas de Curitiba (PR) registraram 15°C, com uma sensação térmica ainda mais congelante pela madrugada.

Infelizmente, quem mais sofre com isso são as pessoas que vivem em situação de rua. Por vezes, elas contam com apenas um cobertor ou equivalente para se esquentar – e nada mais.

Sem opções, muitas buscam abrigo em lugares sujos e insalubres para não congelarem no frio.

Leia também: CR7 proíbe refrigerante e põe filho na esteira depois do sorvete

Conforme noticiado pelo portal ‘Ric Mais’, este foi o caso de um morador de rua da capital paranaense, ‘flagrado’ por uma câmera de segurança entrando em uma caçamba de lixo para se esquentar em meio àquela noite fria.

Menos de uma hora depois, um outro homem aparece com uma sacola e leva um susto ao abrir a caçamba e ver o morador de rua lá dentro.

O caso aconteceu em frente a um condomínio no bairro Boqueirão, na zona sul de Curitiba.

A segunda pessoa a aparecer no vídeo é um engenheiro que não teve o nome identificado,. Ele é morador do condomínio e havia saído para descartar uma sacola de recicláveis.

Ao abrir a caçamba, veio a surpresa: “Fiquei intrigado. Em um primeiro momento, eu achei que fosse um bicho, um rato grande, só vi que era grande”, contou o rapaz.

Leia também: Médico no Piauí comove ao cantar para paciente horas antes dela morrer de Covid

Nesse momento, o sem-teto teria dito “boa noite, vizinho, desculpa incomodar, mas eu estou aqui fugindo do frio”.

Comovido com tudo aquilo, o condômino avisou o síndico e os vizinhos, que se uniram e providenciaram comida e cobertas para o morador.

Naquela mesma noite, os moradores do bairro também entraram em contato com a Fundação de Ação Social (FAS) de Curitiba, que acolheu o rapaz em necessidade e proveu-lhe um abrigo temporário.

Assista ao vídeo:

Fonte: RIC Mais

Compartilhe o post com seus amigos! 😉

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS



COMENTÁRIOS