Uma jovem ficou internada por cerca de um mês devida inflamação de um piercing, em uma Unidade de Tratamento Intensivo (UTI).

Andressa de Souza, 20 anos apresentou sintomas que fizeram sua família acreditar que estava com dengue.

“No começo a gente achou que era dengue. Várias pessoas pegaram dengue lá em casa. Minha filha estava com dor de cabeça e febre. O médico medicou a Andressa e ela veio embora” Conta a mãe.

Logo após retornar para casa, foi quando o quadro da jovem piorou. Andressa fez uma vídeo-chamada com sua mãe e voltou ao hospital. “Fizeram o pedido do exame de dengue, mas deu negativo”.

Maria Aparecida conta que a filha ficou internada por 24 dias na unidade, lá foram feitos outros exames, incluindo uma ressonância que identificou que a jovem estava com algum problema na região da cabeça.

“Há poucos dias dela ter sido internada, a minha filha tinha colocado um piercing na boca. Infeccionou e inchou, ela não conseguia tirar. Depois de vários exames, o médico constatou que foi o piercing que provocou toda a complicação. A infecção se alastrou rápido, tomou conta de 37% do cérebro da minha filha”, relembra a mãe. “Acreditavam que era um tumor, mas depois viram que era a infecção”.

O médico diagnosticou o problema como uma infecção generalizada que atingiu o cérebro, e que o piercing havia provocado a complicação.

Leia também: Vendedor de empanadas usa os pés para preparar a massa e recebe chuva de críticas nas redes sociais

O exame mostrava que o quadro da jovem já se encontrava sem solução, devido ao avanço da infecção. “O médico disse para se despedir dela, porque para frente não sabia o que ia acontecer. O que os médicos puderam fazer, foi feito”.
`
Á jovem veio a òbito logo em seguida, deixando um filho de apenas 3 anos. “É uma sementinha dela”, disse a avó.

Sepultada na cidade de Itaporã (MS), Andressa deixa a sensação de dor e luto entre seus parentes: “A gente está com a dor, não tinha muito o que fazer. Infelizmente ela não vai voltar, foi chorar e enterrar um pedacinho da gente”.

“O meu neto já morava com o pai, vai continuar com ele”, finaliza Maria Aparecida.

Leia também: Conheça a jovem que ficou milionária ao vender limonada com receita da avó

Fonte: Jornal de Brasília

Compartilhe o post com seus amigos! 😉

RECOMENDAMOS